ALEGOde outros sites

Alego sedia posse da nova presidência do Sindicato dos Oficiais de Justiça Avaliadores

3 Mins read

Fonte: ALEGO

A Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) sediou, na tarde dessa segunda-feira, 6, a posse solene da nova presidência do Sindicato dos Oficiais de Justiça Avaliadores do Estado de Goiás (SindojusGO) e da Associação dos Oficiais de Justiça do Estado de Goiás (AojusGO).

Além do propositor do encontro, deputado Karlos Cabral (PSB), o evento contou com a participação de autoridades dos órgãos do Poder Judiciário que prestigiaram a nova direção composta pelo novo presidente do sindicato, Eleandro Alves de Almeida, bem como a vice-presidente eleita, Carolina Rosa Santos. 

Em entrevista à imprensa, o novo presidente destacou que assume o posto sob enorme expectativa positiva. “Queremos aprimorar os nossos serviços para atender com excelência não apenas a categoria mas toda a sociedade. Vamos trabalhar para otimizar nossa prestação de serviço a fim de garantir um trabalho com mais qualidade, transparência e responsabilidade”, destacou. 

Ele também comentou o avanço dos serviços digitais e como isso poderá otimizar o trabalho do grupo neste e nos próximos anos. “Temos expectativas, inclusive, sobre a nova era digital da Justiça. Vivemos uma nova era da tecnologia dos serviços digitais e acompanharemos esse movimento.” 

Karlos Cabral chamou atenção dos presentes para a importância do serviço prestado pelos oficiais. “Esse é um momento muito importante para nós, que fazemos do nosso ofício uma forma de fazer justiça pela população. Os pleitos de uma carreira como a nossa, diferentemente de muitos dos nossos colegas, nem sempre são atendidos”, lamentou o parlamentar. 

Em outro trecho, ele destacou que os profissionais vivem um “momento difícil”, onde as contribuições sindicais “praticamente deixaram de existir”. “Ainda assim, a atual gestão fecha um ciclo com chave de ouro. Inauguramos recentemente uma sede própria, digna, e com capacidade para atender nossos colegas.” 

Endereçado ao novo presidente, Cabral destacou: “Estamos em constante evolução do Direito e precisamos nos adaptar. Tenho defendido a criação efetiva do juiz executório para conseguirmos uma autonomia plena. Com isso, a partir do momento em que se decide, temos a liberdade para executar, lá na ponta, sem ter que voltar a novas discussões. Acho que esse é o nosso grande desafio para os próximos anos”. 

A vice-presidente do SindojusGO e AojusGO, Carolina Rosa Santos, lembrou, ao discursar, que o convite para a vice-presidência ocorreu na porta de um hospital quando sua irmã se recuperava de uma cirurgia que quase lhe custou a vida. “Assustada com tamanha responsabilidade e ao mesmo tempo grata com tamanha honra, disse sim àquele convite do Eleandro. Em diálogo, nos propusemos a formar uma equipe plural e representativa com servidores da capital e do interior, homens e mulheres, de várias idades, afim de possibilitar a oitiva de vozes múltiplas e a construção de um coletivo representativo. Esse dia é de festa e alegria”, disse.

Ela falou sobre sua relação com o novo presidente. “Foi meu primeiro colega de profissão na nossa saudosa comarca de Bela Vista. Foi ele que me ensinou a trabalhar nessa profissão. Sua competência e inteligência são reconhecidas por todo o oficialato brasileiro, por consequência, nós de Goiás estamos, mais uma vez, muito bem representados. Tenho sentimento de gratidão e responsabilidade por representar a categoria e desejo que minha permanência inspire outras meninas e mulheres. Posso não ser a primeira mulher na presidência do SindoJus, mas com certeza não serei a última”, finalizou. 

O ex-presidente do sindicato Moizes Bento dos Reis destacou que os últimos anos foram pautados por um intenso trabalho em prol da unificação. “Conseguimos a carta sindical, que é um instrumento para as demais gestões. Que sigamos lutando contra as forças que buscam diminuir a Justiça brasileira. Temos as armas necessárias para isso.”

Também participaram do encontro o secretário-geral, Alessandro Gonçalves Barbosa; a diretora financeira e administrativa, Jannaína Patrícia Pereira; o diretor de aposentados, esporte e lazer, Amilton Pereira Rodrigues; o diretor do núcleo político e comunicações, José Moizaniel Furmiga Dias; e do conselho fiscal e de ética composto por Andreia Pereira de Souza, Bianca Miranda Moggi e Rodolfo Acelino de Oliveira Conceição.

A nova direção foi eleita em sessão extraordinária na última sexta-feira, 3, ocasião em que, por unanimidade, os associados e afiliados aclamaram a chapa do então presidente Eleandro Alves. A nova presidência foi eleita sob o compromisso de dar continuidade ao trabalho de defesa dos interesses do oficialato. Agência Assembleia de Notícias

Matérias relacionadas
CGJGOde outros sites

IPA realiza análise do PL 6204/2019

O Instituto Pensar Agropecuária (IPA) analisou o Projeto de lei 6204/19 que dispõe sobre a desjudicialização da execução civil de títulos executivos…
de outros sitesTJGO

Magistrados participam da posse da nova diretoria do SINDOJUS-GO

Fonte: TJGO A juíza auxiliar da Presidência do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), Sirlei Martins da Costa, representando o…
de outros sitesDefensoria Pública

DPE-GO participa de solenidade de posse da diretoria do Sindojus-GO

Fonte: DPEGO A Defensoria Pública do Estado de Goiás (DPE-GO) participou da solenidade de posse da diretoria do Sindicato dos Oficiais de…
Inscreva-se no nosso informativo virtual

fique por dentro das novidades e receba nossa revista eletrônica mensal