Notícias

Por dentro do SINDOJUS-GO (resumo semanal)

3 Mins read

O diretor-jurídico do SINDOJUSGO,  José Moizaniel Formiga Dias, acompanhado pelo diretor-financeiro, Alessandro Gonçalves Barbosa e pelo advogado, Dr. Gleidson Emanuel de Araújo estiveram presentes na comarca de Bela Vista de Goiás para acompanhar audiência da colega/sindicalizada, Carolina Rosa Santos em audiência no juizado especial criminal. A colega foi vítima de desacato durante o exercício de sua profissão/dever. => 26 e 27.04.17 O presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça de Goiás (SINDOJUSGO), Moizés Bento e o advogado da instituição, Gleidson Emanuel participam de evento de ratificação da criação da Federação Nacional dos Oficiais de Justiça do Brasil (FENOJUS). O evento aconteceu em Brasília, na sede da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB). Representantes de Minas Gerais, Mato Grosso, Tocantins, Ceará, São Paulo, Santa Catarina e Espírito Santo também confirmaram presença “Esse evento confirma a necessidade de ter uma Federação específica para a categoria de Oficiais de Justiça. A entidade atua em nível nacional, dando um direcionamento para os sindicatos. Uma das demandas que estão sendo acompanhadas de perto é a PL030 autoriza os Oficiais de Justiça a portarem armas de fogo, inclusive fora de serviço, em razão de exercerem atividade de risco e prevê o porte de arma como uma medida de segurança para os oficiais de Justiça”, explica o presidente do SINDOJUSGO. => 28.04.17 O  presidente do SINDOJUSGO, Moizés Bento acompanhado do vice-presidente, Eleandro Alves participaram da primeira reunião da Comissão de Política Salarial presidida pelo Desembargador Itamar Lima. Na oportunidade foram discutidos temas como novo PCS, que consta do plano de metas da  atual gestão do presidente do Tribunal  de Justiça de Goiás, Desembargador Gilberto Marques Filho. Na ocasião, os representantes dos oficiais de justiça debateram sobre risco de vida de gratificação de atividade externa – GAE, melhoria do vencimento e outros temas específicos da categoria. => 28.04.17 O diretor-jurídico do SINDOJUSGO,  José Moizaniel Formiga Dias, acompanhado pelo diretor-financeiro, Alessandro Gonçalves Barbosa e pelo diretor-sindicato, Divino Lopes de Jesus e pelo advogado, Dr. Gleidson Emanuel de Araújo estiveram presentes na comarca de Cristalina para acompanhar audiência de processo administrativo (PAD), para apuração em desfavor de nosso colega/sindicalizado Fernando Eurípedes Iglesias. => 02.05.17 O presidente do Sindojusgo, Moizés Bento acompanhado do vice-presidente Eleandro Alves e pelo advogado do sindicado Dr. Gleidson Emanuel, foram recebidos pelo Corregedor-geral, Desembargador Walter Carlos para debater reivindicações da categoria. O  2º juiz auxiliar da Corregedoria, Dr. Murilo Vieira de Faria também participou da reunião. Foi apresentada uma lista de reivindicações por parte do SINDOJUSGO, como a estruturação  das comarcas do entorno de Brasília, implementação de política de segurança aos oficiais de justiça, alteração do provimento n. 12 sobre plantão regional e plantão virtual, padronização de mandados, provimentos n. 04, 05 e 06,  da corregedoria dentre outros assuntos. O Corregedor prometeu analisar cada reivindicação da categoria e apresentar propostas em seguida. => 03.05.17 O Sindicato dos Oficiais de Justiça Avaliadores de Goiás (Sindojusgo), em parceria com o deputado estadual Karlos Cabral e com a Federação Nacional dos Oficiais de Justiça (Fenojus) prestou homenagem, na última quarta-feira, ao Secretário Nacional do PDT, Manoel Dias que também é presidente da Fundação Leonel Brizola-Alberto Pasqualini e ex-ministro do Trabalho. O evento aconteceu no Auditório Costa Lima da Assembléia Legislativa de Goiás e também contou a presença do Diretor Legislativo do SiNDOJUS-MT, Luiz Arthur. O ex-ministro recebeu a homenagem por ter entendido a importância da categoria dos oficiais de justiça, quando conseguiu, quando ministro, a concessão do registro sindical que beneficiou a categoria. O registro sindical é o documento mais importante para uma entidade de classe, porque representa a comprovação de sua legitimidade. É de grande e fundamental importância, as entidades representativas possuírem seu Registro Sindical junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, para que possam exclusivamente representar a categoria em suas postulações, sejam administrativas ou judiciais, visando buscar melhorias e valorização de todos. “Manoel Dias deu o pontapé inicial para a tirada das novas cartas dos oficiais. Ele é defensor da nossa categoria, além de ser um grande líder trabalhista”, explica o presidente do SINDOJUSGO, Moizés Bento. => 04.05.17 O presidente do SINDOJUSGO, Moizés Bento acompanhado do advogado da instituição, Gleidson Emanuel e a Oficiala de justiça, Samanta Nunes de Oliveira se reuniram com a juíza da 17ª Vara Cível e Ambiental da comarca de Goiânia, Dra. Rosana Camapum. Na ocasião, os representantes dos Oficiais de Justiça de Goiás apresentaram os problemas enfrentados pelos oficiais de justiça no cumprimento de mandados e possíveis soluções. Durante a reunião, a Dra. Rosana se mostrou bastante aberta ao diálogo no sentido de buscar sempre a melhoria da prestação jurisdicional para a sociedade.  

Matérias relacionadas
CoronavírusNotíciasSTJ

STJ autoriza citação por WhatsApp desde que comprovada identidade

Há mais de um ano convivendo com a pandemia do novo Coronavírus (COVID-19) a rotina dos Oficiais e Oficialas de Justiça tem…
EventosNotíciasTJGO

Oficiais de Justiça são ouvidos pelo SINDOJUS-GO sobre projeto de reestruturação das comarcas

Você precisa iniciar uma sessão de usuário para visualizar esta página. Por favor, Faça login. Você ainda não possui uma conta de…
FESOJUSNotíciasVacinação

Vacinação prioritária: tudo o que você precisa saber!

Reprodução: FESOJUS-BR Veja aqui o vídeo da reunião citada no e-mail entre o interlocutor do Ministério da Saúde, Dr. Laurício Monteiro e os representantes da FESOJUS-BR, João Batista (presidente) e Luiz…
Inscreva-se no nosso informativo virtual

fique por dentro das novidades e receba nossa revista eletrônica mensal