Notícias

Respiração é tema no segundo dia da semana de cultura da paz

2 Mins read

O segundo dia da Semana da Cultura de Paz, que está sendo realizada pelo Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), foi aberto, nesta terça-feira (17), com a oficina “Respiração – A fórmula da Vida”, ministrada pela socióloga Manúcia Passos de Lima. Ela fez um relato detalhado de experiências científicas e de sua vivência oriental, através de viagens à Índia e de pesquisas sobre o tema, mostrando que respirar adequadamente pode ser um dos caminhos para se viver melhor e por mais tempo.

A Semana de Cultura da Paz está sendo realizada no auditório do TJGO e seguirá até a sexta-feira (20). Durante a semana serão realizadas várias oficinas e palestras, colocando a disposição dos participantes, informações que vão possibilitar a adoção de novas práticas voltadas para o alcance da paz interior e, de consequência, provocar reflexos na vida pessoal e profissional de cada um. A entrada para as palestras é franca e os interessados em participar da programação podem fazer suas inscrições antes das palestras, na entrada do auditório.

De acordo com Manúcia, um dos processos mais naturais da fisiologia humana – a respiração – é talvez o mais esquecido pelo ser humano. O primeiro passo para trabalhar a respiração, garante ela, é prestar atenção nela. Para isso, a socióloga sugeriu diferentes práticas que devem ser feitas diariamente, frisando que a respiração ideal é aquela desenvolvida tranqüilamente, pelo nariz (tanto puxar quanto soltar o ar) e de forma consciente. “Massagens uma vez por semana, meditação e momentos tranqüilos devem ser conquistados dia a dia. Situações tensas como as que vivemos no trânsito, em reuniões, em apresentações e nos momentos em que se é testado, levam o corpo a se tensionar e a respiração a ficar contida”, acrescenta.

A socióloga ainda explicou que ao respirar, os pulmões se abrem e o cérebro encolhe enquanto que, ao expirar, ocorre o inverso, ou seja, os pulmões murcham e o cérebro expande. Manúcia Lima defende o que ela chama de respiração ampla: “Geralmente, as pessoas com respiração restrita são mais ansiosas”, afirmou. (Texto: Gizely Cândida/Fotos: Hernany César – Centro de Comunicação Social do TJGO).

Confira algumas imagens: https://www.flickr.com/photos/ccstjgo/sets/72157635563890295/

Matérias relacionadas
CoronavírusNotíciasSTJ

STJ autoriza citação por WhatsApp desde que comprovada identidade

Há mais de um ano convivendo com a pandemia do novo Coronavírus (COVID-19) a rotina dos Oficiais e Oficialas de Justiça tem…
EventosNotíciasTJGO

Oficiais de Justiça são ouvidos pelo SINDOJUS-GO sobre projeto de reestruturação das comarcas

Você precisa iniciar uma sessão de usuário para visualizar esta página. Por favor, Faça login. Você ainda não possui uma conta de…
FESOJUSNotíciasVacinação

Vacinação prioritária: tudo o que você precisa saber!

Reprodução: FESOJUS-BR Veja aqui o vídeo da reunião citada no e-mail entre o interlocutor do Ministério da Saúde, Dr. Laurício Monteiro e os representantes da FESOJUS-BR, João Batista (presidente) e Luiz…
Inscreva-se no nosso informativo virtual

fique por dentro das novidades e receba nossa revista eletrônica mensal