de outros sitesPlantãoPorte de arma

PM: busca e apreensão termina em confronto e morte em Londrina

1 Mins read

Fonte: Tarobá News

SOBRE OS RISCOS QUE CORREM OS OFICIAIS DE JUSTIÇA PLANTONISTAS.
FATO OCORRIDO NA TARDE DE HOJE no plantão judiciário em Londrina/PR. Equipe Rotam/PMPR acompanhou um Oficial de Justiça do TJPR no cumprimento de um mandado de Afastamento do Lar com Busca e Apreensão em desfavor de um homem no âmbito da Lei Maria da Penha.
Ao receber o Oficial de Justiça o homem entrou correndo na residência e apareceu na sala de arma em punho, gritou que mataria o oficial de justiça, fazendo com que a equipe policial agisse em legítima defesa. Houve investida contra o Oficial de Justiça e os PMs até sua derradeira queda, já na garagem da casa.

Um homem de 22 anos morreu na tarde deste domingo (26/12/21) após reagir ao cumprimento um mandado de busca e apreensão na rua Aloysio Paschoal Turrisi, no Cinco Conjuntos, na zona norte de Londrina/PR.

O SINDOJUS-GO reforça que Oficiais e Oficialas de Justiça plantonistas em diligências sensíveis, como por exemplo afastamento do lar e prisão de alimentos, sempre se valham do necessário apoio da Polícia Civil e Militar.

Segundo informações da 4° Companhia Independente da PM, os policiais da Rotam foram acionados para dar apoio a um oficial de Justiça no cumprimento de um mandado de busca e apreensão contra William Claiton Marques da Silva por porte de arma de fogo após ameaçar a ex-namorada na frente de outras pessoas, inclusive menores de idade.

Durante a abordagem, o suspeito recebeu os policiais com arma em punho na sala da residência. Após troca de tiros, ele foi atingido e morreu na garagem da casa.

No local, de acordo com a PM, ainda foi encontrado aproximadamente uma carga de 2,5 quilos de maconha. O morto tinha passagens pela polícia por receptação, tráfico de drogas e uso.

Fonte: Tarobá News

Matérias relacionadas
de outros sitesEJUGTJGO

Ejug divulga edital para seleção de candidatos em curso de pós-graduação com a temática "Direito e Poder Judiciário"

Fonte: TJGO (Íntegra) A Escola Judicial do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (Ejug) divulga o Edital Ejug n.º 02 de 2022,…
Palavra da FESOJUSPorte de arma

Na luta pelo Porte de Arma, FESOJUS-BR se reúne com o ministro da Justiça

Palavra da FESOJUS-BR Em Brasília, seguindo na luta pelo Porte de Arma, a FESOJUS-BR, representada por seu diretor Luiz Arthur de Souza,…
de outros sitesPalavra da FESOJUS

FESOJUS-BR atua pela manutenção da Execução Civil no Poder Judiciário

O SINDOJUS-GO, representado pelo seu Vice-presidente e Diretor Jurídico Eleandro Alves Almeida, que na ocasião, participou como Vice-presidente da FESOJUS-BR, acompanhou de…
Inscreva-se no nosso informativo virtual

fique por dentro das novidades e receba nossa revista eletrônica mensal